publicidade

Agência bancária é explodida no bairro de Porto Seco Pirajá, em Salvador

Crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (13) e não há detalhes sobre feridos. Agência ficou totalmente destruída e polícia já começou a investigar caso.

Uma agência bancária foi explodida por homens armados no bairro de Porto Seco Pirajá, em Salvador, na madrugada desta terça-feira (13). Não há detalhes sobre feridos.

De acordo com testemunhas, o crime aconteceu por volta das 3h30. Moradores relataram ter ouvido um barulho muito forte, por causa das explosões. O teto da agência chegou a desabar com o impacto.

Muito material da agência, como panfletos e caixas, ficou espalhado do lado de fora. Estilhaços de vidro e partes de eletrônicos também acabaram na calçada. A agência ficou destruída e cédulas foram encontradas do lado de dentro.

Equipes do Departamento de Polícia Técnica (DPT) foram ao local para fazer a perícia. Policiais e o delegado do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) também foram à agência, para iniciar as investigações.

Ainda não há detalhes sobre quantas pessoas participaram da ação, mas a polícia suspeita que cerca de dois a três veículos foram usados no crime. Também não há informações se houve dinheiro roubado, nem a possível quantia.

Outros ataques

Agência do Banco do Brasil foi assaltada em Campo Alegre de Lourdes no dia 5 de abril de 2021 — Foto: Portal Professor Thiago

Na última semana, ao menos quatro agências foram atacadas e explodidas na Bahia. A primeira delas foi em Campo Alegre de Lourdes, norte da Bahia, na noite do dia 5 de abril. O grupo armado chegou a fazer moradores reféns durante a fuga.

O segundo caso aconteceu também durante a noite, mas no dia 6, na cidade de Abaré, que fica na mesma região. Na ação, os suspeitos também fizeram servidores municipais de reféns e atearam fogo em veículos para dificultar a ação da polícia.

Dois dias depois, outra agência foi explodida, desta vez em Itiruçu, no sudoeste da Bahia. Os suspeitos, que estavam fortemente armados, chegaram à cidade em dois veículos e utilizaram explosivos na unidade.

A quarta agência explodida foi em Sapeaçu, cidade que fica a cerca de 160 quilômetros de Salvador. O crime aconteceu na madrugada de sábado (10). A ação durou cerca de 30 minutos.

Fonte: G1 Bahia

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Mais notícias

publicidade