publicidade

Após vencer competição internacional, jovem baiano se prepara para conhecer a Nasa

O estudante Wesley Andrade, de 20 anos e natural de Guaratinga, no Sul da Bahia, está se preparando para uma viagem patrocinada à NASA, em Washington, nos Estados Unidos. Ele e seu grupo de três amigos, vindos do Rio Grande do Norte e do Rio Grande do Sul, venceram a competição “Pale Blue Dot Visualization Challenge”, promovida pela Agência Nacional de Aeronáutica e Espaço dos EUA. O desafio visava incentivar estudantes a criar análises de dados e imagens para contribuir com o desenvolvimento sustentável global. Das 1.600 pessoas de 104 países que participaram, apenas cinco equipes foram selecionadas, sendo a de Wesley a única representando o Brasil. A equipe brasileira, chamada “H2Plastic”, é composta também por Marília Rangel Fernandes e Ruan Vitor Cordeiro da Silva, ambos de 19 anos e do Rio Grande do Norte, e Kelly Ramos Pereira, de 20 anos, do Rio Grande do Sul.

Wesley, aluno do Instituto Federal da Bahia (IFBA) no curso técnico em Meio Ambiente desde 2019, vê nos estudos uma oportunidade de melhoria de vida. Ele descobriu sua paixão pela preservação ambiental ao estudar o ecossistema e os impactos humanos sobre ele. O grupo “H2Plastic”, com base nos materiais fornecidos pela NASA, concentrou-se em investigar a crescente presença de microplásticos nos oceanos, uma ameaça significativa à vida aquática e aos seres humanos, especialmente em comunidades vulneráveis.

A equipe analisou a presença desses microplásticos nas águas ao longo da costa brasileira entre abril de 2017 e setembro de 2018. Suas descobertas indicam um nível alarmante de contaminação por esse polímero nos oceanos, conforme demonstrado pelas imagens analisadas pelos pesquisadores.

“Utilizamos dados da observação sobre a concentração dos microplásticos na costa brasileira. Estudamos como isso impacta os animais e seres dos oceanos, assim como os humanos.”, explicou Wesley.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Mais notícias

publicidade