publicidade

Estudantes baianos desenvolvem protetor solar a partir da folha de goiabeira

Estudantes do Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Jacuípe III – Edna Daltro, sob orientação de Marília Sousa, desenvolveram um protótipo de protetor solar a partir das folhas de goiabeira. O grupo, composto por Geovana Thaís, Ana Carolina, Ana Cecília e Hadrian Raphael, conduziu um estudo que demonstrou que a planta possui diversos compostos capazes de combater a radiação UV.

“A partir do estudo que realizamos sobre as propriedades das folhas, descobrimos que, além de seus múltiplos benefícios, elas possuem uma ótima capacidade fotoprotetora, que é a capacidade de um produto ou substância de proteger a pele contra danos causados pela exposição à radiação ultravioleta (UV) do sol”, explica Geovana Thaís.

Segundo a estudante, o produto é sustentável, natural e não utiliza conservantes ou qualquer outro tipo de matéria-prima que possa agredir a pele. “Usamos como base principal o extrato da Psidium guajava. Fizemos um teste em luz natural, porém, para maior segurança e comprometimento, é necessário um teste laboratorial, onde realmente iremos avaliar o seu nível de capacidade fotoprotetora. Em relação a outros produtos, o nosso fotoprotetor pode ser mais acessível devido ao fácil acesso aos seus componentes”, afirma.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Mais notícias

publicidade