publicidade

Grupo de turistas fica preso por quase uma hora em elevador do Sampa Sky

Um grupo de turistas ficou preso por quase uma hora no elevador do edifício Mirante do Vale nesta quinta-feira (30), quando saía da atração Sampa Sky – um deck de vidro que permite aos visitantes observar a paisagem de São Paulo do alto. A administração informou que acionou a assistência técnica imediatamente.

Localizado no centro da cidade, o prédio tem 51 andares. O mirante de vidro, inaugurado em 2021, está no 42º andar, a 150 metros do chão, conforme anunciado pela atração.

Um dos visitantes que ficaram presos usou as redes sociais do Sampa Sky para reclamar. “Vocês cobram uma fortuna e o elevador trava com 15 pessoas. Mais de 50 min de espera pelo técnico. Decepcionante”, escreveu. O preço da entrada chega a R$ 120.

Em nota, Alessandro Martineli, sócio do Sampa Sky, lamentou o ocorrido e explicou que o elevador “foi inaugurado há aproximadamente dois meses, após um processo total de renovação com troca completa de seus mecanismos”.

A administração do Mirante do Vale, por sua vez, informou que acionou a empresa Atlas Schindler imediatamente após o incidente e que uma equipe foi enviada ao local para oferecer assistência técnica.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Mais notícias

publicidade