publicidade

Renegociação do Desenrola Fies termina na próxima sexta-feira

O prazo para solicitar condições especiais de renegociação do Desenrola Fies encerra-se na próxima sexta-feira (31). O programa, desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC) e executado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), oferece descontos na renegociação das dívidas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Desde seu lançamento em novembro do ano passado, o Desenrola Fies já beneficiou 283.577 estudantes, segundo dados do MEC. Até o dia 15 deste mês, foram renegociados mais de R$ 12,92 bilhões em dívidas, reduzindo o saldo devedor para cerca de R$ 2,49 bilhões.

Em nota, o MEC destacou que as renegociações se referem a contratos firmados até 2017 e com débitos até 30 de junho de 2023, abrangendo todos os estados. “A medida do governo demonstra um compromisso contínuo em proporcionar alívio financeiro e oportunidades de recomeço para aqueles impactados por dívidas educacionais”, afirma o comunicado.

Fies

O Fundo de Financiamento Estudantil, programa do MEC instituído em 2001, visa conceder financiamento a estudantes de cursos de graduação em instituições de ensino superior privadas que aderiram ao programa e possuem avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Desde 2018, o Fies possibilita juros zero e uma escala de financiamento que varia conforme a renda familiar do candidato. Para se inscrever, é necessário que o candidato tenha participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010, obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos, e nota superior a zero na redação.

Além disso, é necessário que a renda familiar mensal bruta, por pessoa, seja de até três salários mínimos.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Mais notícias

publicidade